segunda-feira, 31 de julho de 2017

Parte de mim.




PARTE DE MIM

Lembro-me ainda do dia em que ela se foi,
Tento de todas as formas, mas não consigo esquecer.
São lembranças de um passado que no peito ainda dói,
De quem desconhece o que fez para tal castigo merecer.

Éramos afins, um sempre fazendo parte do outro,
Unidos num só corpo, numa só alma e num só coração.
Sem jamais pensar num possível desencontro,
Ou mesmo numa indesejada e nefasta separação.

Vivíamos felizes, desconhecíamos a tristeza,
Somente de felicidade era a nossa forte paixão.
Eu era seu príncipe, ela era a minha princesa,
E absolutamente nada, abalava a nossa linda união.

Hoje mesmo tristonho, sigo minha vida, resignado,
Esperando o momento em que meus dias tenham fim.
É que DEUS sem perceber, deixou-me mutilado,
Pois quando a levou, também levou parte de mim.

R.S. Furtado

Visite também:
Clicando aqui:

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Fortes x fracos.

  


FORTES X FRACOS 

A dignidade dos mais fortes está também no reconhecimento e no respeito às deficiências dos mais fracos.” 

R.S. Furtado 

Visite também: 
Literatura & Companhia Ilimitada 
Clicando aqui:
 

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Sonhos.

 


SONHOS

Sonhos bons, sonhos ruins, pesadelos,
Um misto de passeios nas altas madrugadas,
Independente de nós, tê-los ou não tê-los,
Pois suas causas, na mente já estão gravadas.

Sonho bom? Aconchegue-se! Seja bem-vindo!
Sua visita é sempre por DEUS abençoada.
Quem me dera, fosse interminável, infindo,
Para na felicidade, ter minha vida mergulhada.

Sonho ruim? Passando, procure outra parada!
Sua visita somente me traz más desilusões.
Siga em frente! Não é bem-vinda a sua estada,
Pois farto já estou de tão horrendas emoções.

Pesadelo? Por favor, exclua-me dos seus registros!
Tenha dó dos meus sentimentos, dos meus temores.
Livre-me dos seus maus momentos, tão sinistros,
E de uma vida de horrores, uma vida de pavores.

R.S. Furtado.

Visite também:
Clicando aqui:

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Oração da Praça.




ORAÇÃO DA PRAÇA

... Santa Maria mãe de DEUS, rogai por nós pecadores aqui dos 'Três Poderes em Brasília', e depois, como colher de chá, rogai por esse povo idiota e miserável que nós tanto o enganamos e roubamos, e não nos tirai essas boquinhas que somente nos enriquecem. Amém!” 

 R. S. Furtado 

Visite também: 
Clicando aqui:

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Conformação.

CONFORMAÇÃO

Casinha de porta e janela,
Bem no alto da favela,
De frente à uma vista bela,
É um ninho de felicidade.
Vislumbrando a natureza,
Irmanados com a pobreza,
Seres vivem com destreza
E muito amor, sem maldade.

Vou começar com o Maneca,
Menino muito sapeca,
Meio levado da breca,
Mas tem um bom coração.
Lá na rua a meninada,
Como sempre espalhada,
Feliz e bem animada,
Tem por ele adoração.

Rosita é a sua irmãzinha, 
Menina bem bonitinha,
Um mimo de garotinha,
Está sempre lendo a lição.
Pretende tudo aprender,
Para quando ela crescer,
De tudo um pouco saber,
E ter uma boa educação.

Dona Chica, a genitora,
Muito atenta e protetora,
Ordeira e fiel batalhadora,
De educar, nunca abriu mão.
Sempre com muito carinho,
Ensinou-lhes tudo certinho,
Pois ditar-lhes o bom caminho,
Para ela, era a grande questão.

Seu Joca, um pai bem zeloso,
Dos filhos, bastante orgulhoso,
Às vezes, pomposo, vaidoso,
Por, dos filhos, não se envergonhar.
Batalha sem mágoa ou quizília
Alerta, sempre em vigília,
Para nunca, jamais à família,
Um pedaço de pão lhe faltar.

E assim, o tempo logo vai passando,
Por dias melhores, todos esperando,
Consolados, nas noites, vão sonhando,
Que o bom dia chegue, se faça presente.
Na espera de grandes mudanças,
Assim como, dos dias de bonanças
E imbuídos de fé e grandes esperanças,
Vão vivendo como o bom DEUS consente.

R.S. Furtado

Visite também:
Clicando aqui:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...